Quero “PREÇO” baixo,
vou fechar tudo
pelo menor “VALOR”!

Olá noivas, noivos, debutantes e interessados em eventos, como foi a semana? Espero que produtiva!

Outro assunto bastante discutido nos grupos e redes sociais de noivas, debutantes e organizadores de eventos, o famoso “PREÇO OU VALOR” dos serviços.

Primeiramente acho válido entendermos a diferença entre valor e preço. Pode não parecer, mas são duas coisas completamente diferentes no mundo das negociações. Quando falamos em valor de um produto as pessoas imediatamente remetem para o gasto, ou seja, para quanto estão dispostas a desembolsar. E é aí que está o X da questão: dinheiro está relacionado a preço, e não a valor. O valor está no conjunto de benefícios e qualidades que o cliente perceberá com o resultado da prestação do serviço. Vamos à um exemplo prático: tenho que contratar um DJ para meu casamento, tenho a proposta do DJ Fulano por R$1.000 e do DJ Beltrano por R$2.000, ambos possuem a mesma estrutura e equipamentos. No 1º momento pensei logo em fechar com o DJ Fulano pois o Beltrano tem o dobro do PREÇO, porém fiquei intrigado para saber porque o Beltrano praticava o dobro. Pesquisando referências percebi que 95% dos depoimentos de quem fechou com o Fulano eram de que o evento acabou antes do esperado, pista de dança vazia, sem ânimo. Já os relatos sobre o Beltrano eram 100% positivos, “meu evento foi eletrizante”, “não ficou ninguém sentado”, “tivemos que pedir pra desligar o som para os convidados irem embora e ainda assim queriam mais festa”.

Foi aí que entendi a diferença, apesar do Fulano praticar um preço menor, o serviço do Beltrano tem um valor muito maior que o dobro do preço, o Beltrano conseguia entregar um evento de causar inveja, conseguia animar a todos do início ao fim de forma que aquele dia ficava marcado na história de todos que ali estavam. Sem pestanejar fechei com o Beltrano pois o VALOR do trabalho dele é muito superior ao outro. Assim acontece com a fotografia, com o buffet, com o cerimonialista, etc. etc. etc.

Hááááá quantas vezes ofereci um álbum para o cliente e este me responde “álbum é caro, depois eu faço”. Passado mais de ano vem o cliente me procurando, pois, o HD que estavam as fotos havia queimado. Esse é o momento que percebem o valor de um álbum. Quantas vezes fecharam com um outro fotógrafo pelo preço (sendo que tinham condições de fechar comigo) e depois me procuraram para “dar um jeito” nas fotos. Rsrs, infelizmente vislumbraram o preço que se paga, não o valor que recebem!

Acredito que um bom planejamento pode ajudar você a fazer alguns ajustes como deixar de investir em algo supérfluo para complementar o orçamento e contratar outros fornecedores que vão te entregar o VALOR desejado, trocando em miúdos, se meu orçamento está apertado eu deixaria de lado as chinelas para convidadas e completaria o orçamento para fechar com um Dj melhor, ou um cerimonialista melhor, fotógrafo melhor, etc.

Você tem algum assunto bacana que precisa tirar dúvidas? Mande pra gente que vamos procurar alguém top da área para discutirmos aqui sobre o tema, isso pode lhe ajudar bastante, manda aí no e-mail: contato@santiagophotography.com.br, no campo assunto do e-mail escreva “sugestão para o Blog”. Deixe conosco que iremos atrás da resposta. Um grande abraço e até semana que vem!

Deixe seu Comentário

comentários